Passar para a navegação primária Passar para o conteúdo Passar para o rodapé
Regressar a Blog Experience

Outro olhar sobre a ilha das Flores – Marília Hipólito – “Morro dos Frades”

Marília Hipólito nasceu e cresceu na ilha das Flores nos Açores.

A paixão pela pintura em cerâmica surgiu num súbito desejo de pintar azulejo, o que a fez abraçar os materiais disponíveis, nos seus vários contextos. Com isso nasce a técnica que usa como forma de expressão, de comunicação e linguagem artística.

Marília Hipólito - Morro dos Frades

O seu primeiro painel dá vida a um sol, geométrico, onde usa a mancha, a linha e o padrão, os elementos base do seu trabalho. Ousa chamar-lhe o Sol da sua Vida. Arquiteta, Artesã, integrante da Incubadora Azores CraftLab, artista e ceramista, Marília Hipólito, marca registada, procura partilhar com todos a arte silenciosa de cura proporcionada pela interpretação que faz de tudo o que a inspira e cativa a ser reproduzido.

 

Com formação em Pintura e Decoração de Cerâmica pelo Cencal nas Caldas da Rainha, e Formação intensiva de pintura em Azulejo na Escola Creazul, em Caxias, Lisboa, pretende abraçar novas formas de se expressar, desenvolver a sua criatividade, melhorar o serviço apresentado e chegar ao coração do mundo.

A sua forma de pintar envolve um processo criativo de carácter artesanal e simultaneamente intemporal que, claramente demonstra um manifestar sentido e desmedido, através do recurso à sua técnica de expressão, na histórica cerâmica.

Retrata a natureza da ilha de diversas formas e em diversos suportes, escolhendo o azulejo por excelência.

Peça de Marília Hipólito - Morro dos Frades

Visita os lugares, sente a sua energia, comunica com eles e retira, de toda a inspiração recebida, as linhas condutoras do que vai retratar, contando a sua história, ora por letras, ora pela pintura.

Estão aqui presentes alguns dos seus trabalhos, e uma conexão especial estabelecida com um dos muitos lugares lindos da ilha, o conhecido “Morro dos Frades” no concelho das Lajes das Flores, o qual instiga a ser visitado.

“Já lá foi? Suba o morro, toque na rocha e sinta a energia milenar que lhe dá vida.

Veja a paisagem, absorva a natureza, toque o chão com o pé descalço e sinta a felicidade a brotar dos seus calcanhares até ao topo da sua cabeça. É imensa a experiência e é única, garanto. Somos nós e a natureza que nos envolve, unidos pelo coração.”

 

Se quiser conhecer mais dos seus trabalhos, visite o seu site online:

www.mariliahipolito.pt

  • Publicado em: